LEVE-ME COM VOCÊ (Catherine Ryan Hyde)

"As pessoas aprendem com a experiência. Pouco importa o que os outros digam"

Pensa num livro lindo. Uma história tocante e encantadora. Leve-me com você é exatamente assim.

Nesse livro sensacional vamos acompanhar a história de August, um professor do ensino médio que acaba de perder o único filho, Phillip de 19 anos. August e o Phillip costumavam passar os verões juntos viajando pelos parques nacionais dos Estados Unidos e esse ano eles planejavam conhecer o parque de Yellowstone, mas os planos são interrompidos com a morte do garoto.  August decide manter sua promessa de pé e levar o filho a Yellowstone. Ele vai fazer a viagem sozinho e levar um pouco das cinzas de Phillip para deposita-las no parque que o garoto tanto queria conhecer.

A história começa com August já na estrada acompanhado de Woody, seu cachorro. Eles viajam em um motor home, mas ele não contava que o carro desse defeito logo no inicio da viagem. August encontra uma oficina e descobre que uma peça do carro precisa ser trocada. Ele não estava contando com esse gasto extra e teme que não vai ter dinheiro suficiente para chegar a Yellowstone.

É ai que o mecânico faz uma proposta a August: Ele não vai cobrar pelo concerto do carro nem pela peça se em troca August levar seus filhos com ele na viagem. Acontece que o tal mecânico vai ser preso, ele passará três meses na cadeia por dirigir embriagado e não tem com quem deixar os filhos, Seth de doze anos e Henry de sete. August acaba concordando e é aí que uma jornada incrível começa.

"Todo mundo anda por aí perdendo um monte de coisas por não querer que nada de ruim aconteça. Mas quando uma coisa ruim tem que acontecer, simplesmente acontece. De qualquer jeito. Por mais que você tome cuidado".

August, as duas crianças e o cachorro partem numa viagem pelos parques nacionais e pelas maravilhosas paisagens naturais dos Estados Unidos. É uma verdadeira delicia viajar com eles.  Os meninos são uns amores. Seth é um garoto responsável que nunca pode ser criança de verdade pois desde muito cedo teve que aprender a cuidar do irmãozinho. Henrry é um menino calado que não fala com quase ninguém.  Então temos um homem que esta vivendo um luto pelo morte do filho e duas crianças que vivem sendo negligenciadas pelo pai passando três meses juntos e aprendendo coisas incríveis.

"Mas cada um de nós tem alguma coisa que causa tristeza. E ninguém pode nos salvar de todas elas".

A escrita da autora é deliciosa de se ler e com certeza você vai se emocionar muito em diversas partes do livro. A historia nos ensina grandes lições sobre empatia, sobre se colocar no lugar do outro e não abandonar as pessoas quando elas mais precisam. É uma história linda que merece ser lida.

Nenhum comentário:

Postar um comentário