MINHA METADE SILENCIOSA (Andrew Smith)

Livro simplesmente incrível e que precisa ser lido. Aborda temas fortes numa narrativa envolvente e é simplesmente impossível parar de ler.

Minha metade silenciosa conta a história de um menino prestes a completar 14 anos chamado Stark McClellan, mas que todos o chamam de Palito. O menino recebeu esse apelido porque é muito alto e magro, mas o que o incomoda mesmo é que ele nasceu sem uma orelha e por isso é constantemente alvo de bullying na escola. Ele não escuta do lado que não tem orelha e  se acha uma deformidade, um monstro por ter nascido com uma parte do corpo faltando. 

"E não há amor na minha casa, só regras"

Palito tem  um irmão dois anos mais velho chamado Bosten que é seu melhor amigo e protetor. É Bosten quem protege o irmão das piadas dos garotos da escola, é Bosten a pessoa em quem Palito mais pode confiar. Os dois vivem com os pais, porém a vida familiar deles é cercado por violência. A casa tem regras totalmente estupidas como: é proibido dormir de pijama (os meninos tem que dormir só de cueca) ou, é proibido deixar a camisa para fora da calça e sempre precisam estar com uma camiseta branca por baixo da camisa normal. Enfim, são regras totalmente sem noção que quando quebradas geram surras e castigos violentos. O mais triste é ver que Palito acha isso normal, para ele todas as casas são assim, todos os meninos apanham dos pais.

"Minha mãe e meu pai nunca nos quiseram. Eu. Bosten. Especialmente eu. Eu era uma lembrança de tudo o que estava errado. Mas Bosten veio antes e pagou por mais tempo."


Apesar da violência em casa, Palito tenta levar uma vida normal ao lado de Bosten e da melhor amiga Emily, mas tudo muda quando uma questão bem delicada acontece e Bosten acaba fugindo de casa. Palito decide que não pode ficar sozinho com o pai e decide pegar o carro (mesmo não tendo idade para dirigir) e ir em busca do irmão. Nessa jornada o garoto vai encontrar grandes problemas e terá que lidar com diversas questões.

"Eu temia que Emily as vezes se sentisse muito sozinha. Mesmo que a gente nunca comentasse, acho que precisávamos um do outro."


O livro vai abordar temas fortes como bullying, violência domestica, homossexualidade, drogas, abuso sexual entre outras coisas, mas a leitura flui muito bem. A escrita do autor é maravilhosa, e apesar dos temas fortes o livro tem passagens muito divertidas, afinal o protagonista é um adolescente e tem todas as duvidas e sentimentos normais dessa idade, além de reações do corpo comuns nessa idade (se é que me entendem kkk)

"Eu nunca soube que línguas podiam ter tanta utilidades, ou que o interior da boca de uma pessoa podia ter um gosto tão bom."

A amizade entre os dois irmãos é a coisa mais linda nesse livro. O fato que vai fazer Bosten fugir de casa só acontece um pouco depois da metade do livro, ou seja, durante a primeira metade os irmão estão juntos, lidando com os problemas juntos e é uma coisa incrível de se acompanhar. Um amor fraternal puro e lindo, com certeza você vai se emocionar.



Nenhum comentário:

Postar um comentário