Resenha: RAZÃO E SENSIBILIDADE (Jane Austen)

Quem gosta de romances de época, com certeza conhece os livros de Jane Austen, e se não conhece deveria conhecer. O mais famoso livro da autora é sem dúvida Orgulho e preconceito, mas hoje vou falar de outro livro que foi o primeiro escrito por Jane Austen.

Razão e Sensibilidade conta a história das irmãs Elionor e Marianne Dashwood. Enquanto Elionor é uma moça mais pé no chão e reservada (razão), Marianne é sonhadora e se expressa abertamente (sensibilidade). O livro gira em torno da vida das duas, que precisam achar um ponto de equilibro entre a razão e a emoção.

"Encorajavam-se uma a outra na violência de suas ansiedades"

Elionor e Marianne tem uma irmã mais nova e um meio irmão mais velho, quando o pai morre a herança fica toda com o irmão, por ser o único filho homem. As meninas e mãe passam a morar com esse irmão, mas a esposa dele não as suporta e as três acabam se mudando para uma casa no interior.

Na nova cidade O coronel Brandon se apaixona por Marianne, mas ela o rejeita por achar ele muito velho.  Marianne acaba se apaixona pelo jovem Willoughby, os dois ficam amigos e conversam bastante. Por ficarem muito tempo juntos Marianne acredita que o amor que sente por ele é reciproco e quando ele precisa partir inesperadamente ela sofre muito e deixa isso claro para todos, afinal ela é a sensibilidade em pessoa. Todos acreditam que há um compromisso entre eles, já que eles estavam sempre juntos,  e Marianne se contenta em esperar pela volta do amado. Marianne acredita que ele irá voltar e  a pedirá em casamento, embora ele nunca tenha dito nada em relação a isso. Elionor é a única que mantem os pés no chão e não acredita que exista um relacionamento entre eles.

Enquanto Marianne sofre abertamente, Elionor se apaixona por Edward Ferraz embora saiba que a família dele não a aceitaria. De seu jeito reservado e racional Elionor acaba descobrindo um segredo sobre Edward.

"Apesar de atraente, a ideia de nossa felicidade depender de outra pessoa nem sempre é possível"

O livro acompanha as duas irmãs amadurecendo e tendo que lidar com seus sentimentos e angustias. Não é o melhor livro de Jane Austen, mas é uma história bem envolvente e se você curte romances de época acho que vai gostar muito desse livro.

Nenhum comentário:

Postar um comentário